REIKI

Reiki é uma terapia complementar, no Âmbito das Terapias e Medicina de Campo Bio Energético, na qual o Reiki está inscrito segundo o conceito da NCCAM - National Center for Complementary and Alternative Medicine, que é uma Agência dos EUA, dedicada à explicação rigorosa sob o prisma da ciência, das Medicinas Complementares Alternativas.

Esta é uma terapia complementar, ou seja, trabalha em conjunto com todas as Medicinas e outras Terapias, nunca invalidando ou substituindo qualquer uma delas.

Reiki para além de uma terapia complementar é integrativa, onde se depreende que um tratamento é realizado através de uma técnica de contacto leve ou, ou mesmo sem contacto, do local afectado no corpo ou seguindo um processo de tratamento que visa a aplicação em várias partes do corpo, sempre respeitando a integridade do utente. Esta técnica visa realinhar o fluxo de energia vital, trazendo o equilíbrio energético ao corpo e uma sensação de bem-estar geral. Reiki é também uma terapia profilática, levando o praticante ou o utente a encontrar o seu equilíbrio vital, auxiliando-o a reagir melhor às condições propícias à doença e é, também, um excelente suporte para cuidados paliativos.

 

O Reiki tem vindo a ser integrado em vários hospitais no Brasil, Estados Unidos, Reino Unido e Espanha, como uma terapêutica complementar. No Hospital de Hartford, o Reiki é definido como uma técnica japones para redução de stress e relaxamento, que compreende que tudo no Universo é feito de energia e que a mesma flui à nossa volta e dentro de nós.

”Em Portugal, foi realizado um estudo alguns anos, no Hospital São João do Porto, a utentes oncológicos, Hospital do Fundão faz consultas de Reiki, No contexto do Mestrado Profissional em Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia, da Universidade de Évora/Escola Superior de Enfermagem São João de Deus estão a ser desenvolvidos projetos de intervenção no sentido de aplicar terapias complementares, na área da maternidade, quer seja aos utentes quer aos próprios profissionais da área.(Centro Hospitalar Barreiro Montijo).”

COMO FUNCIONA O REIKI

O Reiki por si não cura. O efeito do Reiki é o de aumentar a capacidade autocurativa do paciente. Tal pode ocorrer nas seguintes formas:

  • Produzindo um profundo estado de relaxamento que pode aliviar o stress que sofre, como consequência da sua enfermidade

  • Aumentar as defesas do corpo de modo a que ajude a superar, por exemplo, uma infecção, estimulando o seu sistema imunológico

  • Aliviar estados de depressão e cansaço

  • Eliminar ou reduzir os efeitos secundários de fármacos, sobretudo da quimioterapia

  • Potencia o efeito benéfico dos fármacos quando um paciente não está a responder ao tratamento

  • Acelerar a eliminação de toxinas da anestesia e fármacos empregues

  • Reduzir a ansiedade antes de uma intervenção cirurgica ou química

  • Aumentar a sua capacidade de recuperação depois de uma intervenção

OS CINCO PRINCÍPIOS DO REIKI

Mikao Usui (Pai do Reiki) instituiu cinco princípios, orientadores, para o desenvolvimento interior dos praticantes de Reiki. Podemos encontrar o valor destes cinco princípios em todas as civilizações.

五戒 – GOKAI (Cinco Princípios):

今日たけは –Kyo dake wa – Só por Hoje,

怒るな –Ikaruna – Sou Calmo,

 心配すな – Shinpaisuna – Não me preocupo,

感謝して – Kanshashite – Sou Grato,

業をはけめ – Gyo wo hageme – Trabalho Honestamente,

人に親切に – Hito ni shinsetsu ni – Sou Bondoso com todos os seres vivos